segunda-feira, 22 de julho de 2013

Mulheres do movimento sindical e social de Mato Grosso irão participar da Marcha Mundial de Mulheres

O Brasil sediará pela primeira vez o Encontro Internacional da Marcha Mundial de Mulheres

A Comissão de Mulheres do movimento Sindical e Social, que representa a MARCHA MUNDIAL DAS MULHERES (MMM) em Mato Grosso, realizaram a segunda reunião, nesta sexta-feira, (19/07), na sede do Sintep/MT, para organizar a participação de uma delegação no 9º Encontro Internacional da Marcha Mundial de Mulheres, que acontece entre os dias 25 e 31 de agosto de 2013, no Memorial da América Latina em São Paulo.
Na primeira reunião da Comissão, que ocorreu no dia 10 de julho, na sede do SINTUF, ficou definido que as entidades irão viabilizar um ônibus e mobilizar, no mínimo 40 mulheres para participar da delegação. Com esse objetivo foi criada uma comissão para levantar recursos para a viagem (aluguel de ônibus, alimentação e camisetas para identificação da delegação).
As interessadas em participar devem procurar uma das entidades que estão comitê estadual da MMM: CUT/MT; SINTUF; SINTEP/MT;MST;FETECS; SEEB e FAMT.


Marcha Mundial
A Marcha Mundial nasceu em 2000, com uma grande mobilização de mulheres do mundo todo contra a pobreza e a violência. A organização das mulheres urbanas e rurais, em aliança com outros movimentos sociais é um princípio da MMM.
No 9º encontro, que conta com representantes de 50 países, serão definidas as Ações Internacionais de 2015 e terá início a transição do secretariado internacional da Marcha, que está no Brasil desde 2006.
O objetivo é fazer desse Encontro um espaço de intercâmbio de práticas políticas e experiências de construção de alternativas, de formação e aprofundamento de reflexões sobre temas que fazem parte da agenda política feminista.
Como parte dessa atividade, a CUT está organizando um Encontro Internacional de Sindicalistas Militantes da MMM. O encontro acontecerá no dia 25 de agosto e tem, entre outros, o objetivo de trocar experiências e também debater nosso papel e a nossa inserção na MMM.

Programação
O Encontro se inicia com uma abertura entre as delegadas internacionais (dia 25), segue com dois dias comuns de formação política e debate entre teóricas e pesquisadoras feministas e ativistas da MMM, relacionando teoria e prática feminista como partes de um mesmo processo (dias 26 e 27). Nos dias 28 a 30, enquanto as delegadas internacionais se concentram em debates sobre a vida democrática da MMM, as demais participam de atividades simultâneas como debates de formação e oficinas.
No dia 31, todas se reúnem em uma Assembleia para compartilhar análises e decisões, o Encontro se encerra com uma grande mobilização.
Durante todo o período iremos realizar uma Mostra de Economia Solidária e Feminista que permite o intercâmbio de ideias e produtos e a visibilidade das mulheres como atoras econômicas.

Com informações http://marchamulheres.wordpress.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário